Cambalacho

Corrida Maluca de Verdade

10/06/09 - Postado por Rigaud em Entretenimento, Humor
Corrida Maluca “Wacky Races” acredito que foi um dos desenhos preferidos de muitos da minha época (ou não), minha época? Poxa estou ficando velho. Assistindo e relembrando alguns desenhos antigos e comparando com alguns da atualidade percebo que os novos desenhos não têm o mesmo objetivo dos antigos que muita das vezes eram educativos e faziam as crianças darem boas gargalhadas.

São 11 réplicas no total que participam de um evento anual, o Goodwood Festival of Speed, em Chichester, West Sussex, Inglaterra. Um evento que anima tanto os adultos quanto as crianças. O mais divertido é que eles realmente competem tornando uma corrida maluca de verdade.

Desfile pelas ruas de Chichester

Máquina do Mal – Dick Vigarista e Muttley

Carro de Frente – Penélope Charmosa

Carro da 1ªGuerra Mundial – Barão Vermelho

Carro da Idade-da-Pedra – Irmãos Rocha

Carrão Aerodinâmico – Peter Perfeito

Cupê Mal-Assombrado – Irmãos Pavor

Carro de Mil-e-Uma Utilidades – Professor Aéreo
Carro-Tronco – Rufus Lenhador e Dentes-de-Serra

Carroça à Vapor – Tio Tomás e Chorão

Carro à Prova de Balas – Quadrilha da Morte

Carro Tanque – Sargento Bombarda e Soldado Micas

Abaixo postei um vídeo do desenho “Os Smurfs”, que mostra bem a parte educativa do desenho “Se não ajudarmos o Gargamel e o Cruel ainda seremos piores que eles”.

P.S. “Os Smurfs” não foi do meu tempo, minha mãe disse que era seu desenho favorito quando criança e curiosamente assisti este episódio.


Via:Bem Legaus!

Gostou? Compartilhe:
zebras
Preta com listras brancas ou branca com listras pretas? (imagem: digitalart2)

Para este assunto existem dois biólogos americanos que entendem muito bem do assunto afinal são especialistas (existe acredite!). Gilbert Scott e Susan Singer defendem as seguinte s teorias:



Argumento evolutivo

Existia uma espécie de zebra, que só tinha listras brancas na parte da frente o resto do corpo era escuro, vivia na África e foi extinta no século 19.



Argumento geográfico

Todo mundo sabe que na África faz um calor danado, então o lógico seria pensar que os ancestrais da zebra fossem mais pretos. A cor negra então ajudaria proteger as zebritas dos raios de sol (mesmo caso dos seres humanos)
As origens das listras como vimos é incerta, porém a função já é bem conhecida. Quando a zebra está fugindo do seu predador, as listras deformam a silhueta dela e faz com que ela se confunda com a paisagem, ajudando o animal escapar do inimigo. Funciona também como impressão digital, não existe duas zebras com as mesmas litras, cada zebra tem seu tipo de litras: tamanho, espessuras diferentes e desenho únicos.

Ambos os dois argumentos fazem o maior sentido.

Via: MundoEstranho

Gostou? Compartilhe:

Tipos de Chefes

09/06/09 - Postado por Rigaud em Humor
Odeio meu Chefe

Chefe Sorvete – Aquele que quando vê o gerente derrete-se todo.

Chefe Doril – Aquele que quando pinta um problema, some.
Chefe Caranguejo – Aquele que faz o serviço andar para trás.
Chefe Ortopedista – Aquele que não sai do seu pé.
Chefe Papai Noel – Aquele que só sabe encher o saco.
Chefe Lampião – Aquele que é o rei do “cagaço”.
Chefe Disco Quebrado – Aquele que não se toca.


Chefe Disco Velho – Aquele que só chia.
Chefe Marmita – Aquele que só leva comida.
Chefe Tintureiro – Aquele que só passa o serviço.
Chefe Abelha – Aquele que faz cera o tempo todo e só levanta para te ferrar.
Chefe Morcego – aquele que só pinta na seção no fim do expediente.
Chefe Camisinha – Aquele que vive enchendo e atrapalha a produção.
Chefe Touro Sentado – Aquele que não tira o bumbum da cadeira.
Meu chefe – Um cara gente boa ;-)
Gostou? Compartilhe:

bandeira americana e inglesa

Sem desculpas para dizer que não sabe falar inglês. (Foto: Reprodução)


Cool Me: Verbo que indica comer: “Eu Cool Me pastel. Ou ainda: Eu Cool Me Far Of A.”
Free You: Oposto de estar com calor: “Estou com Free You
French: Dianteira: “Sai da French, por favor.”
Clock – Marca de panela: “Panela de pressão, lá em casa, só Clock.”
Coffee – Onomatopéia para o ato de to see: “Coffee! Coffee! Desculpe!”
Dark – Trecho de um conhecido provérbio: “É melhor Dark que receber!”
Date – Ordem para prostrar-se: “Date-se aí e fique quieto.”
Dick – Início de uma música do Roberto Carlos: “Dick que vale o céu…”
Eleven – Mandar levantar: “Eleven o nível da conversa aí.”
Kiss: Verbo querer no passado: “Ele Kiss beijá-la.”
Boy: O companheiro da vaca: “Aluna : Hello , Boy! Aluno : Hello , vaca!”
Hand: Entregar, dar por vencido: “você se Hand?”.
Feel: Barbante:” Me da um pedaço desse Feel para eu amarrar aqui”.
Mickey: Afirmativo de queimadura: “Mickey may”.
Beach – Homossexual: “O Cordeirinho é meio Beach.”
Byte- Surrar: “Dotô, ele sempre Byte neu.”
Bottom – Colocar: “Eles Bottom tudo no lugar errado.”
Careful – Supermercado: “Vou no Careful comprar uns troços.”
Cheese – Letra do alfabeto: “Exemplo, nexo se escreve com Cheese.”
Morning: Nem Can’t, nem frio: “A água esta Morning.”
Window: Usado em despedidas: “Bom, já vou Window!”
Hair: Marcha de carro: “Ele engatou a Hair.”
May Go: Pessoal dócil: ele é tão “May Go.”
You: Expressão de curiosidade: “You seu irmão, como vai?”
Year: Deixar partir: “Ela teve que Year.”
Eye: Interjeição de dor:” Eye que dor de cabeça!”
Him: Órgão: “Eye que dor no Him!”
Cream: Roubar, matar, etc.: “Ele cometeu um Cream.”
Paint: Objeto: “Me empresta o seu Paint?”
Fail: Oposto de bonito: “Ele e Fail.”
River: Pior que FAIL: “Ele é O River.”
To See: Onomatopéia que representa tosse: “Acho que vou To See!”
Uhull [Via: Ridetudo]
Gostou? Compartilhe:
Venho divulgar mais forma inusitada de arte, desta vez da Jennifer Maestre que utiliza pontas de lápis nas suas esculturas. Sua maior inspiração é a forma e textura do ouriço do mar. Todas as esculturas das imagens a seguir são feitas com centenas de lápis coloridos cortados em uma polegada. É sem dúvidas, uma maneira bem criativa e inusitada.


Portfólio Jennifer Maestre [Via: Oddee]

Gostou? Compartilhe:
  • Quem Curte?

  • Top Semanal

  • ©2013 - Home - Contato
    Twitter Facebook FEED Rss
    Política de Privacidade - Desenvolvido por Osmar Mesquita | Rhuan Carlos